rogbenites@gmail.com

terça-feira, 13 de abril de 2010

Lula admite que sabia do MENSALÃO

Em documento encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva admitiu pela primeira vez que sabia da existência do mensalão durante o seu governo. No texto incluído na ação penal que investiga o repasse financeiro a partidos da base aliada, Lula reconhece que teve conhecimento da prática durante uma reunião com o presidente do PTB, Roberto Jefferson (RJ), no primeiro semestre de 2005. As informações são do jornal Correio Braziliense.



No documento, Lula diz que a reunião contou com a presença dos ex-ministros Aldo Rebelo e Walfrido dos Mares Guia e dos deputados Arlindo Chinaglia (PT-SP), José Múcio Monteiro (PTB-PE), além de Jefferson. Segundo o presidente, foi mencionado o assunto "repasse de dinheiro para integrantes da base aliada do governo federal na Câmara dos Deputados". Lula negou ter conversado sobre o esquema antes de o escândalo vir à tona com os principais envolvidos - o deputado cassado José Dirceu, o ex-tesoureiro Delúbio Soares, o ex-presidente do PT José Genoíno (SP), o ex-secretário-geral Silvio Pereira e o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha (PT-SP). Lula negou ainda ter conhecido o publicitário Marcos Valério, acusado de ser o operador do mensalão, e também rejeitou um suposto encontro na Granja do Torto.

Nenhum comentário: