rogbenites@gmail.com

terça-feira, 26 de junho de 2012

Sairá na Imprensa....

 

PSOL e PCB juntos construíram a
“Frente de Esquerda PSOL e PCB Desperta Santanense”.

E homologaram seus candidatos à Câmara Municipal de Vereadores.

 


O Plenário da Câmara de Vereadores de nossa cidade foi o local escolhido, pois é lá que os dois partidos políticos agora unidos em uma aliança ideológica e programática denominada “Frente de Esquerda PSOL e PCB Desperta Santanense”, miram seus objetivos neste pleito que se aproxima. A Convenção Eleitoral Municipal do PSOL realizada no ultimo sábado dia 23 de junho veio a referendar esta aliança visando conquistar uma vaga no Legislativo Municipal, tendo como objetivo fazer ali uma trincheira de luta em defesa dos trabalhadores e do povo pobre, contra a corrupção, fiscalizando o Executivo e propondo projetos que venham ao encontro das maiores demandas do povo santanense. O evento marcou a oficialização das candidaturas a vereadores do PSOL onde concorrerá à vereança o combativo Marco Antônio Silva Pintos, popularmente conhecido com MARQUINHOS e Jocemir Nunes, liderança comunitária de altíssima relevância para o cenário político de nossa cidade, haja vista, sua atuação destacada nas questões do bairro Simão Bolívar e de nossa cidade como um todo. No ato politico o PCB informou através de sua direção que aprovou em sua convenção além da aliança com o PSOL o nome de Oneider Vargas e João Manuel Senna Fialho para concorrerem à vereança. O PSOL e o PCB decidiram também na oportunidade que não apoiarão nenhuns dos candidatos a Prefeito, pois os partidos que se apresentam, ou traíram os trabalhadores ou estão envolvidos em processos de corrupção, desta forma somente o PSOL e o PCB podem e devem defender os ideais socialistas, libertários em defesa da classe trabalhadora.



Em sua fala Rogério Benites Presidente da agremiação e atual Diretor da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, disse: “O momento é oportuno para que esta aliança política seja vencedora, haja vista, o trabalho do PSOL, desde a sua fundação em 2005, lutando pelos trabalhadores e pelo povo pobre, destacando-se em defesa da saúde pública, principalmente na questão da Santa Casa de Misericórdia, articulando emendas, envolvendo os governos no debate o que fez com que a instituição reabrisse suas portas e retornasse a ter credibilidade. Entretanto é importante a sociedade estar consciente de que o PSOL fez de tudo para manter a instituição de portas abertas, tanto na via judicial recorrendo às instituições indicadas, quanto a movimento político onde sem mandato algum construiu a “Frente em Defesa da Santa Casa”, este fato que manteve o hospital atendendo por alguns meses a população. Infelizmente a mesma veio a fechar suas portas por decisão única e exclusivamente política do Prefeito e dos Vereadores de nossa cidade. Segundo Benites este fato assim como os supostos desvios de recursos do hospital que veio a publico pelos meios de imprensa em novembro de 2008 e por denuncia do PSOL no Congresso Nacional através da então Deputada Federal Luciana Genro, pós-período eleitoral, não se pode esquecer de maneira alguma destes fatos, da mesma forma os processos de corrupção que se instalaram na câmara de vereadores de nossa cidade como os desvios de combustível, os bens que sumiram da secretaria de obras e de outras decisões políticas que afetam diretamente a vida do povo santanense, como os altos índices de desemprego, caos na saúde pública, aumento de tributos, taxa da água do DAE ao qual aumentou em 30% neste ano”.






O grande ato politico foi prestigiado por algumas lideranças comunitárias, dentre as quais ingressou na fileira partidária assinando a ficha de filiação no PSOL a valorosa e lutadora Sra. Patrícia Yrigarai, na foto abonada pelo companheiro MARQUINHOS.




Nenhum comentário: